5 dicas para turbinar seu currículo

0

Você se candidata à várias vagas, mas não é chamado para nenhuma entrevista? Se a resposta for sim, o problema pode ser seu currículo. Ele é o responsável por criar sua primeira impressão com um recrutador.

Ter um currículo atualizado, no entanto, exige dedicação e pode levar tempo. Por isso, o que acha de utilizar seu tempo livre durante um feriado ou final de semana para dar uma geral no currículo? Confira nossas dicas!

1. Pense na experiência do recrutador

Seu currículo não será o único a ser visto durante as primeiras fases de um processo seletivo, por isso, tente pensar como o recrutador e avaliar qual a melhor forma de se destacar em meio a tantos candidatos.

Conversando com alguns profissionais de Recursos Humanos, constatamos que um erro que muitas pessoas cometem é o de não se preocupar com a legibilidade do documento. Pense na experiência do recrutador e faça seu CV ser objetivo, fácil de ler e claro!

2. Ajuste a forma

O conteúdo importa muito, mas a forma pode fazer a diferença. Organize as informações de forma lógica e clara, para facilitar a vida do recrutador e aumentar suas chances no processo seletivo. Tente ser objetivo, claro e direto nas informações.

Em empresas mais descoladas, vale até buscar layouts diferentes para se destacar. Uma ideia é buscar inspirações na internet. Busque por palavras-chaves como “currículo criativo” para encontrar alguns modelos. Se você prefere um modelo mais tradicional, concentre-se em um layout em que todas as informações sejam apresentadas de maneira simples, facilitando a leitura.

Você pode usar diferentes tamanhos de fontes, além de negritos e tópicos para dar destaque às informações.

3. Mostre suas habilidades

O que você tem de melhor para oferecer para a vaga? Essa é a pergunta que você deve fazer quando for escrever seu currículo. É importante mostrar ao recrutador suas qualificações e tentar exibir exatamente como você vai agregar ao time. Não se esqueça de incluir novos conhecimentos adquiridos durante um projeto ou um curso específico.

4. Não minta

Não minta sobre suas qualificações e habilidades, seja honesto e comunique o que você realmente consegue fazer e em qual nível.

Dizer que tem habilidades técnicas ou fala inglês fluente sem ser verdade pode ser um problema. Você pode passar vergonha caso o processo inclua um teste e ainda prejudicar sua imagem com o recrutador.

5. Revise antes de enviar

Enviar um currículo com um texto errado pode acabar com suas chances de contratação. Preocupe-se com a linguagem que você está utilizando (novamente tomando cuidado com a adequação ao setor e empresa) e tenha muito cuidado para não deixar passar erros gramaticais e de digitação.

Esperamos que você se dê bem nos próximos processos seletivos! Quer mais dicas de carreira? Confira outros posts do nosso blog!

Compartilhe.