Sempre acho que poderia estar melhor na profissão. O que faço para melhorar isso?

0
É muito comum ouvir profissionais dizendo que estão frustrados em seu trabalho e que, há alguns anos, imaginavam que estariam em um patamar mais alto na carreira. Essa frustração, que pode gerar muito desânimo e angústia, tem como ser resolvida. Nessa situação, a palavra-chave é comportamento.
A seguir, listamos algumas atitudes que você pode tomar para crescer na carreira, mesmo em tempos difíceis:

Saiba trabalhar em equipe e criar alianças

Saber trabalhar em equipe é uma habilidade fundamental para profissionais que não querem perder o ritmo de crescimento na carreira. A melhor habilidade que se pode ter nessas horas é a de ser um “mediador” das ideias, costurando tudo e criando alianças estratégicas.

Comunique-se bem

A comunicação é a maneira pela qual você consegue mobilizar as pessoas para aderir às suas ideias. É fundamental esta capacidade de contaminar positivamente as pessoas que estão no seu entorno. 

Tenha um perfil empreendedor

Aqui, é bom nutrir o sentimento de dono do negócio – mesmo que você seja apenas um funcionário. Esse tipo de pessoa motiva a inovação. Ela tende a pegar o problema e abraçá-lo. Só é necessário tomar cuidado para, nesse ímpeto de resolver as coisas, não atropelar todos à sua volta.

Seja flexível

Se a empresa tem que descontinuar o projeto que você estava trabalhando para começar outro, você precisa compreender a estratégia e começar a funcionar rapidamente. Não responder às novas demandas em tempo hábil pode ser prejudicial não só para a sua carreira, mas para a sobrevivência da organização como um todo.

Cumpra prazos

As empresas devem ter seu foco atrelado ao cliente. E, neste ponto, trabalho bom é trabalho feito sem, obviamente, perder a qualidade. Quem não entrega resultados está fora em momentos de crise e não consegue crescer na profissão.

Aposte na serenidade

Profissionais que tenham uma inteligência emocional equilibrada tendem a se sair melhor em tempos de crise e se dar bem na carreira. A inteligência emocional é um fator essencial para a resolução de conflitos.

Tenha foco no autodesenvolvimento

Nenhum profissional deve se acomodar e parar de se desenvolver. Tudo está em constante mudança. O ideal aqui é conhecer seus pontos fortes e fracos e detectar onde você precisa melhorar no futuro.
Compartilhe.