5 Grandes mudanças no mundo do trabalho – saiba como se adaptar

0

Trabalho remoto, horários flexíveis, home office… esses conceitos, relativamente novos no ambiente corporativo, representam mudanças consideráveis no modo de agir, de pensar e de se comportar no trabalho. Com os smartphones, o trabalho está em absolutamente todos os lugares, ao mesmo tempo em que aparece muitas vezes como uma discreta atividade, executada em um café, uma lan-house ou até no terraço de um belo quarto de hotel com vista para o mar.

Com as mudanças no modo de pensar o trabalho como um todo, uma série de regras e padrões seguidos à risca anteriormente foram adaptados para conviverem com as condições do mundo moderno, tais como o trânsito cada vez mais intenso, horários mais flexíveis, tarefas domésticas e familiares cada vez mais presentes, etc. Diante de tantas mudanças, você sabe se adaptar bem a esse novo cenário? Não se preocupe, o Love Mondays te ajuda!

Confira, a seguir, cinco grandes mudanças no trabalho e veja se elas parecem melhores ou piores para você:

Seu trabalho estará onde você estiver, em qualquer lugar do mundo

Termos como “hora do rush”, “rodízio veicular”, “horário de almoço” serão riscados do seu vocabulário. Segundo o metrô de Nova Iorque, por exemplo, os horários denominados “de pico” não existem mais, haja vista que as pessoas estão vivendo e trabalhando de maneiras diferentes. Quer um exemplo disso? Os espaços de co-working – onde você pode trabalhar junto com pessoas de áreas e interesses totalmente diferentes dos seus – estão crescendo vertiginosamente.

O trabalho remoto e o home office também só aumentam. Sabia que a gigante WordPress possui 100% de colaboradores remotos? Eles estão presentes em todos os lugares do mundo e, na maioria das vezes, nem se conhecem. Essa atitude é reforçada pela iniciativa Remote Year, que dá a oportunidade a 100 pessoas de trabalhar, durante um ano, em um país diferente por mês. Já pensou que incrível seria poder trabalhar de onde você quiser e se sentir mais confortável?

Você estará disponível o tempo todo, todos os dias da semana

Um dos pontos negativos da tecnologia é que ela permite que qualquer pessoa te ache a qualquer momento do dia. Aquela história de trabalhar oito horas por dia, cinco vezes por semana, não existe mais. Um benefício, porém, é que os empregadores não querem mais saber quanto tempo você trabalhou, mas sim se entregou o que foi pedido. Será cada vez menos importante estar presente no escritório ou trabalhar as horas certinhas. Se você quiser trabalhar de madrugada, por exemplo, mas entregar seu trabalho na data certa, tudo bem.

Um fato interessante é o quão conectadas as pessoas estão e como isso afeta seu dia e até a hora de dormir. Sabia que um adulto dorme, em média, seis horas e meia por noite? Há uma década, esse número era de oito horas e no início do século XX eram dez horas. Estudos apontam que muitas pessoas têm suas noites de sono interrompidas para checar e-mails ou dados. Algumas até sonham com o trabalho, o que não é nada positivo, vale destacar.

Esqueça os conceitos de trabalho integral com benefícios

Uma pesquisa conduzida pela empresa Upwork, especializada em trabalho freelance, apontou que existiam, em 2014, 53 milhões de freelancers nos Estados Unidos – cerca de 34% da força de trabalho. Nesses casos e cada vez mais, a pergunta deixa de ser “onde você trabalha” para “no que você está trabalhando no momento?”

Ainda segundo esse estudo, grande parte dos trabalhadores freelancers se sente livre e sortuda, ao passo que outra parcela tem a sensação de insegurança e busca um trabalho integral, com benefícios, que estará cada vez mais raro, já que esse conceito de “jobs” em vez de um trabalho fixo será adotado aos poucos.

Não divida mais vida pessoal com trabalho

Sabe aquele conceito de balanço entre vida pessoal e trabalho que as empresas tanto buscam? Ele não existe mais, já que o ideal é você complementar um aspecto com o outro. Prova disso são as redes sociais, que misturam colegas de trabalho com amigos pessoais e família, ao passo que se tornaram também espaços para você divulgar seu currículo. Tudo integrado e trabalhando a seu favor.

Trabalhe com o que você ama e ganhe dinheiro com isso

Aquele conceito de trabalhar apenas para pagar as contas e cuidar de sua família está cada vez mais fora da realidade, já que as pessoas buscam satisfação profissional como um dos pontos mais importantes na hora de aceitar um emprego. É claro que todo mundo tem contas a pagar e responsabilidades, mas pensar apenas nisso não é a melhor saída e certamente não fará com que você se adapte ao mundo de trabalho moderno.

E você? Como encara essas mudanças na sua realidade de trabalho? Há um ou mais passos do novo conceito de trabalho que você já esteja seguindo? Conte para nós!

Compartilhe.