Confira dicas para ser o profissional que toda empresa gostaria de ter

0
Embora esta seja uma guerra velada, existe, sim, uma grande disputa de empresas pelos melhores profissionais. Nessa batalha, existem perfis e talentos específicos que atraem recrutadores e são os mais desejados pelas companhias. Atualmente, há dois tipos de profissionais no mercado: os generalistas e especialistas.
Segundo especialistas, a tendência é buscar e desenvolver características mais generalistas, tendo em vista a carência por pessoal com capacidade de gerir.  As empresas, no geral, buscam profissionais que conseguem se adequar às necessidades e que tenham uma visão ampla do negócio. O generalista é o executivo mais sênior, com experiências em diversas funções e posições.

O profissional especialista, por outro lado, é aquele que direcionou sua carreira a uma área específica. Por isso, está em uma posição que exige conhecimento em uma única área. Em grandes empresas, a procura maior é por especialistas. Em pequenas e médias, há uma maior procura por generalistas. Nos dias atuais, o que se nota é que, quanto mais a pessoa sobe na carreira, maior é o conhecimento que ela precisa ter de outras áreas.

Uma coisa é importante ter em mente, independentemente se você for generalista ou especialista: quanto mais alta for a sua posição, mais forte deve ser sua visão generalista de toda a operação. E ter vivência em várias áreas faz muita diferença em posições de liderança. Independentemente do perfil, as companhias de hoje estão mais interessadas na capacidade de execução e de resolução de conflitos dos profissionais.


Compartilhe.