Ansiedade no trabalho pode atrapalhar sua evolução profissional. Aprenda a combatê-la

0

Você sabia que os brasileiros são os mais estressados no mercado de trabalho? Esse resultado, obtido pela empresa de recrutamento Robert Half, foi descoberto após uma pesquisa conduzida em 13 países, que mostrou que 42% dos profissionais daqui convivem com o estresse e a ansiedade gerados pelo trabalho – nos outros países, esse valor é de aproximadamente 11%. Segundo o estudo, os principais motivos para essa ansiedade são o excesso de trabalho e a falta de reconhecimento pelo desempenho, uma verdadeira bomba relógio no dia a dia do profissional.

Além de causar problemas emocionais, de convivência com amigos e familiares e muito cansaço, o estresse e a ansiedade no trabalho podem resultar em doenças, indo desde uma gripe causada pela baixa imunidade, depressão, crises de pânico até, em casos mais graves, a infartos, o que definitivamente não é o que você deseja para a sua vida, não é mesmo? Por isso, para que você combata os sintomas desagradáveis do estresse e da ansiedade, o Love Mondays lista, a seguir, algumas medidas que devem ser tomadas já. Confira:

1. Descubra suas fontes de estresse

Faça um pente fino em seus hábitos, atitudes, rotina e tarefas do dia a dia. Pense também nas suas desculpas ou em sentimentos que vêm à tona diante de alguma situação. Em muitos momentos, mudar uma simples atitude pode te poupar de sofrimento e ansiedade, sabia? Um exemplo é aquele profissional que sempre reclama de tudo, mas, quando faz uma análise de sua rotina, descobre que está sempre atrasado porque tem o hábito de deixar tudo para a última hora. Se ele encarar os problemas de frente e procurar resolvê-los na hora, certamente essa pressão cairá muito.

2. Confie nas outras pessoas

No ambiente de trabalho é fundamental cercar-se de pessoas positivas e em quem você pode confiar. Por isso, é muito importante eleger alguns colegas para dividir tarefas e ter apoio, seja pedindo dicas, desabafando, tomando um café ou até reclamando. Esse momento de catarse – que não pode acontecer o tempo todo, é claro – ajuda a aliviar as tensões.

3. Respire fundo e relaxe

Você está com taquicardia, confusão mental e muita ansiedade? Reserve um tempinho para respirar profundamente e de forma lenta em um cantinho do escritório ou no jardim. Se não tiver para onde correr, tranque-se no banheiro, feche os olhos e respire várias vezes. Uma dica é inspirar cinco segundos, segurar a respiração e expirar pelo nariz contando até dez, repetindo cinco vezes esse processo. Isso elimina toxinas do seu corpo e te ajuda a controlar a ansiedade.

4. Foco nos bons hábitos
Embora pareça clichê, praticar atividade física é fundamental para te manter mais animado, relaxado e livre do estresse. Recomenda-se que você se exercite pelo menos três vezes por semana, faça refeições balanceadas, mastigando lentamente e longe de celular e computadores. Dormir pelo menos oito horas por noite também é uma atitude que certamente te trará benefícios no trabalho.

5. Sorria!

O bom humor é uma das melhores armas contra a ansiedade e o estresse, sabia? Já percebeu que pessoas muito nervosas ficam rabugentas? Por isso, sempre que possível, dê uma risada gostosa, ria de si mesmo, faça piadas e libere-se das tensões. Essas atitudes, além de aliviarem o estresse, fortalecem seu sistema imunológico e melhoram a sensação de bem-estar.

Sabemos que lidar com tensões e estreses no trabalho não é tarefa fácil, porém você pode se controlar para que problemas pontuais ou dificuldades não ganhem proporções maiores do que devem, atrapalhando seu rendimento, sua saúde e seu relacionamento com os outros. Tente manter o foco, a calma e a tranquilidade, essenciais para aumentar sua produtividade e a capacidade de tomar decisões.

Compartilhe.