Afinal, onde está o emprego em 2016?

0

Inegavelmente, a crise que afeta a economia brasileira tem gerado duras consequências para toda sociedade como diminuição da renda e o aumento do desemprego, especialmente em alguns setores. Por outro lado, não se pode perder de vista o fato de que a vida no mundo corporativo continua e muitas empresas seguem, ainda que por meio de substituição de profissionais com baixa performance, contratando.

Com bases nas mais de 11 mil vagas divulgadas em nossa plataforma, traçamos o mapa do emprego no Brasil para te contar onde as vagas estão por região, cargo e setores econômicos. E, se  você que está buscando novas oportunidades, aproveite para conferir as vagas disponíveis e encontrar o emprego ideal!

BUSCAR VAGAS

Por região do país

Do total de vagas, 68% estão concentradas na região sudeste. O restante, se divide nas demais regiões do país, sendo 18% na região sul, 7% na região nordeste, 1% norte e 6% no centro-oeste.

 Quais são os cargos mais procurados?

Um dos aspectos que mais chama a atenção no levantamento da Love Mondays é que 47% das vagas estão concentradas em posições na base da pirâmide, ou seja, para profissionais que se encontram em fase inicial de carreira. 15% das posições abertas são para cargos de analista, 11% para auxiliar e assistentes, enquanto apenas 5% são para estagiários e aprendizes.

Vagas para cargos gerenciais ficam com 13% das posições abertas na Love Mondays, seguida de posições para vendas (12%), cargos desenvolvedores (5%) e técnicos (4%).

Em torno de 1,5% das vagas para cada uma, encontram-se as posições de Consultor e Executivo. Encerrando o ranking, com menos de 1% das vagas, temos recepcionista, motoristas e repositores.

 Setores que mais estão contratando

Das mais de 11 mil vagas anunciadas no portal Love Mondays, 21% correspondem a posições oferecidas por empresas dos setores de TI e Telecom. Bens de consumo com 8% e Serviços para Empresas com 8% completam os setores que representam mais de 37% do total de posições oferecidas no levantamento.

Os segmentos de Manufatura Industrial e Consultoria respondem por 5% das vagas cada, seguidos de Varejo e Atacado, com 4%. Já os setores de Farmacêutica e Saúde respondem por 3% das vagas, respectivamente.

 

Compartilhe.