5 atitudes que deixam os recrutadores apavorados

0

Conquistar o emprego dos sonhos não é fácil, mas esse caminho pode ser menos dificultoso se você souber truques sobre como se portar durante o processo seletivo evitando erros “cabeludos”.

A seguir, levantamos atitudes negativas que podem desagradar os recrutadores e atrapalhar suas chances de contratação. Acompanhe:

1. Falta de preparo e de interesse

Para mandar bem em um processo seletivo, principalmente durante as etapas de entrevista, você precisa ter uma boa compreensão do negócio daquela empresa. Por isso que é tão importante realizar pesquisas sobre a história da companhia, seus produtos e serviços e o mercado no qual ela está inserida.

Entender esses pontos fará com que você esteja preparado para responder perguntas que testarão seu engajamento, mostrando seu real interesse em trabalhar lá.

2. Mentir

Aumentar fatos ou simplesmente mentir ao falar sobre experiências e habilidades pode sujar a sua imagem com aquela empresa e até mesmo em todo mercado. Conte sua trajetória profissional com sinceridade e exemplifique alguns pontos com histórias que realmente aconteceram. Lembre-se de que mentira tem perna curta e você pode acabar em um teste no qual terá de provar tudo o que disse.

3. Insistir nos mesmos discursos

Existem discursos clássicos que quase todo candidato faz para o recrutador, como: “meu maior defeito é ser perfeccionista”, “quero trabalhar aqui porque acredito muito no produto”, “adoro trabalhar em grupo”.
Essas respostas não são necessariamente erradas, mas com certeza o RH já as ouviu milhares de vezes. Em vez de replicar algo que já tenha ouvido alguém dizer, tente ser mais original e comunicar coisas que de fato representem o profissional que você é, suas aspirações e o seu estilo de trabalho.

4. Ter comportamento inadequado

Tome cuidado com a forma com que você se porta durante o processo seletivo. Além de suas experiências profissionais e habilidades que possui, seu comportamento também será levado em conta na hora de avaliar o seu perfil.

Tente alinhar seu comportamento com o estilo daquela empresa, pensando na forma como ela se comunica com seus funcionários e no tipo de pessoa que trabalha lá. Mostrar que você combina com a cultura da companhia desejada irá aumentar suas chances de ser contratado.

Mas tome cuidado: não é porque a empresa tem um ambiente mais descontraído que você pode sair falando qualquer coisa na entrevista. Ainda que seus entrevistadores o deixem confortável, aquilo ainda é uma ocasião formal e profissional – portanto, nada de piadinhas fora de hora ou histórias muito pessoais.

5. Falar mal da antiga empresa

Comentar negativamente sobre sua antiga empresa pode ser um tiro no pé. Isso não significa que você é proibido de fazer críticas sobre seus empregadores passados, mas é preciso ter cuidado para elas sejam construtivas e não soem infantis.

Lembre-se de que o recrutador não está ali para ouvir seus desabafos: ao perguntar sobre seu trabalho anterior, ele provavelmente quer entender quais coisas foram positivas e negativas na sua última experiência e como elas podem influenciar seu novo momento em uma nova empresa.


Gostou? Curta nossa página no Facebook para não perder nenhuma atualização do nosso blog. Aqui você encontra conteúdos que te ajudarão a crescer profissionalmente, encontrar o emprego ideal e amar as segundas-feiras!

Compartilhe.