Processo seletivo: A importância do feedback

0

Quem nunca ficou sem resposta depois de um processo seletivo? Essa é, sem dúvida, uma das reclamações mais comuns de quem passa por algumas etapas e, de repente, deixa de receber qualquer contato da empresa. Quase sempre o “não” só chega depois do candidato procurar saber o que está acontecendo, não sem antes se preocupar se vai incomodar ou se vai parecer muito ansioso se entrar em contato com a empresa.

Marcas fortes são consistentes na comunicação com seus públicos de interesse. O mesmo vale para marcas empregadoras. O público de candidatos chamados para as etapas presenciais de um processo seletivo é importante e merece experimentar consistência na comunicação com a empresa. Essas pessoas entram em contato com a marca empregadora de uma forma próxima, muitas vezes até conhecendo pessoas e localidades da empresa durante as dinâmicas e entrevistas. Além disso, podem oferecer informações valiosas para que seu processo de seleção seja cada vez melhor.

É claro que processos seletivos às vezes reúnem um número de pessoas que torna praticamente impossível a tarefa de dar retornos individualizados. No entanto, mesmo nesses casos de grandes volumes de inscrições, seria interessante haver ao menos alguma garantia de resposta. No caso dos candidatos finalistas, aqueles três ou quatro que vão para a reta final das seleções, um retorno individualizado deveria ser mandatório. Isso porque conversar com essas pessoas…

…é sinal de respeito.

Simples assim. O candidato dedicou atenção às ligações e e-mails de contato, investiu tempo em entrevistas e dinâmicas, criou expectativas ao passar pelas fases de seleção. É sinal de respeito dar retorno a ele. Parece trivial, mas o que mais se observa em avaliações de entrevistas de emprego são comentários como “fiz algumas entrevistas e nunca mais obtive retorno”.

…melhora seu processo de seleção.

Já falamos em outros artigos que o funcionário é considerado a fonte mais confiável de informações sobre como é trabalhar em uma empresa. O mesmo vale para processos seletivos: saber avaliar quem já passou por eles. Ouvir o que os candidatos tem a dizer sobre os formatos utilizados, as perguntas feitas e os testes aplicados pode oferecer informações importantes para aperfeiçoar o processo seletivo da sua empresa.

…mantém a conexão com candidatos de qualidade.

Aqueles finalistas que chegaram muito perto de conseguir a vaga certamente são pessoas de interesse para a empresa. Podem não ter sido escolhidos, mas certamente demonstraram características e habilidades compatíveis com as necessidades da organização para terem ido tão longe no processo. Por que não dizer isso a eles?  Dedicar algum tempo a uma conversa e sinalizar que a empresa enxergou seu valor fará com que elas se lembrem do processo de forma muito mais positiva do que se tiverem simplesmente recebido um contato impessoal com um “não” como resposta.

…pode mudar uma carreira.

O candidato deseja trabalhar para sua empresa e, ao não ser escolhido, pode sair simplesmente com a sensação de rejeição ou com informações valiosas para seu desenvolvimento pessoal e profissional. Se um candidato não foi escolhido somente por ter se comunicado de forma menos clara que seu concorrente, por exemplo, não seria interessante que ele soubesse disso para poder melhorar? Com feedback claro, ele tem a oportunidade de buscar aprimoramento e, dentro de algum tempo, estar preparado para ser o escolhido num futuro processo.

Para candidatos, uma fonte novíssima de informações sobre processo seletivo!

Lançamos em maio uma nova seção de avaliações de entrevistas de emprego, que permite que profissionais conheçam o processo seletivo e as perguntas que podem ser feitas durante uma entrevista de emprego em uma empresa. Assim, eles podem ser preparar melhor e se destacar nos processos seletivos cada vez mais concorridos. As avaliações, feitas por pessoas que viveram os processos, incluem detalhes como o formato, as perguntas e o nível de dificuldade da entrevista, além da duração média do processo. Cada avaliação detalha ainda se o candidato recebeu uma proposta de emprego e se ela foi aceita ou não. Para ver as avaliações publicadas, é só acessar o nosso site, clicar no botão “Entrevistas” na busca inicial e procurar pela empresa que deseja.

Leia também: O funcionário é a sua melhor propaganda

Para demandas de imprensa, entre em contato com imprensa@lovemondays.com.br

Share.